funeral

of horses

Vinte toras de madeira, com duas cordas de guitarra cada, são tocadas por uma roda com crina de cavalo da Mongólia. Cavalos mongóis foram extremamente importantes durante o período de Genghis Khan, ao ponto que quarenta cavalos foram sacrificados em sua tumba – seus corcéis lhe seriam necessários em sua vida após a morte, e seus galopes podem ser ouvidos nessa massa sonora composta por quarenta cordas.

 

A crina, em si, é algo difícil de se domar – está constantemente tentando se soltar da roda. Ela anseia por selvageria e liberdade ao mesmo tempo em que canta seus gritos de dor.

 

Quando exposto, cada uma das quarenta cordas é cortada progressivamente durante o período da exposição. Um por um os cavalos foram mortos, mas seus rastros não foram apagados.

Selected Press: The Creators Project

TOP

>